Projeto Vida por Vidas 2010 Estimulará a Doação de Medula óssea

16 02 2010

Projeto Vida por Vidas estimula doAÇÃO de medula Óssea em 2010

[Brasília – DF] O medo e a falta de informação provavelmente impedem que muita gente seja um doador de medula no Brasil. Por receio de ter algum problema de saúde, muitos talvez deixem de se tornar potenciais doadores. E é importante observar que a doação de medula pode ser o recurso mais eficaz para cura de doenças como o câncer. Segundo dados do Ministério da Saúde, hoje o Brasil tem o terceiro maior banco de doadores de medula óssea do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos e da Alemanha. Instalado no Instituto Nacional de Câncer (Inca), o Registro Brasileiro de Doadores Voluntários de Medula (Redome) ultrapassou a marca de um milhão de pessoas inscritas.

O número representa um crescimento de 10.814% em relação a 2001, quando havia 12.550 pessoas registradas. É por isso que o Projeto Vida por Vidas, realizado pela juventude adventista do sétimo dia em toda a América do Sul, vai enfatizar a doação de medula em 2010. A ideia dos governos é ter um banco de doadores único na América do Sul. A Argentina, por exemplo, conta com 34.000 doadores. Já o Uruguai conta com poucos doadores, menos de 130, e 70 pacientes por ano com indicação de transplante.

O projeto Vida por Vidas (www.vidaporvidas.com.br), idealizado em 2005, já ajudou a levantar mais de 300 mil doadores de sangue em oito países sul-americanos. É uma iniciativa dos adventistas do sétimo dia com apoio dos hemocentros de todas as regiões brasileiras, órgãos governamentais e sociedade civil organizada. O coordenador geral, Otimar Gonçalves, explica que neste ano a intenção é ter um cadastro atualizado de doadores de medula, também, a fim de colaborar com a cura de muitos que estão na fila de espera por um transplante. A campanha ganha força a partir do mês de março. “O projeto tem crescido a cada ano e esperamos que o número de doadores sistemáticos de sangue e, também, de medula cresça. Tão importante quanto as mobilizações pontuais são as doações regulares”, afirma Gonçalves.

Como ser doador de medula
Segundo informa o site do Inca, alguns critérios devem ser levados em conta para doação de medula. O passo-a-passo para ser doador consiste no seguinte:

• Qualquer pessoa entre 18 e 55 anos com boa saúde poderá doar medula óssea. É a retirada do interior de ossos da bacia, por meio de punções, e se recompõe em apenas 15 dias.

• Os doadores preenchem um formulário com dados pessoais e é coletada uma amostra de sangue com 5 ml para testes. Estes testes determinam as características genéticas que são necessárias para a compatibilidade entre o doador e o paciente.

• Os dados pessoais e os resultados dos testes são armazenados em um sistema informatizado que realiza o cruzamento com dados dos pacientes que estão necessitando de um transplante.

• Em caso de compatibilidade com um paciente, o doador é então chamado para exames complementares e para realizar a doação.

• A chance de encontrar uma medula compatível é, em média, de uma em cem mil!

* É possível se cadastrar como doador voluntário de medula óssea nos hemocentros dos estados.  O Inca, no Rio de Janeiro, também faz a coleta de sangue e o cadastramento de doadores voluntários de medula óssea. Outras informações podem ser obtidas em www.inca.gov.br.

[Equipe ASN, Felipe Lemos]

Fonte: http://www.vidaporvidas.com.br/noticias/44_vpv2010.php

Anúncios

Ações

Information

4 responses

15 04 2010
QUELEM

MEU NOME É QUELEM ,E SOU CADASTRADA NO HEMOBA EM SALVADOR.SOU DOADORA VOLUNTÁRIA DE SANGUE E NO FUTURO QUEM SABRE DEUS NÃO ME DÁ A CHANSE DE DOAR PARA ALGUEM UM OPUCO DA MÉDULA NÉ.MUITO LINDO ESSE PROJETO.VOU ESPALHAR PARA MEU AMIGOS ESSE PROJETO.BJS

10 08 2010
Simone

Gostaria muito se ser um doador de medula ossea, mais eu tenho uma duvida se um dia alguem da minha familia precisar vou poder doar de novo? quantos dias de repouso? posso fazer os meus trabalhos domesticos normalmente? eu tenho hernia de disco essa doação não vai agravar ainda mais o meu problema? Fico no aguardo das respostas BJS.

16 11 2010
Wesley Rodrigues Leite

Gostaria de ser um doador de medula ossea,tenho 51 anos,boa saúde eficaria muito feliz e faria também outras pessoas a sorrirem novamente.

11 03 2011
Márcia

Oi! Sou diretora jovem e gostaria de desenvolver esse projeto em minha cidade, preciso de material para divugação como posso fazer?
Desde já agradeço! Abtraçõs!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: